Cariacica se prepara para receber cerca de R$ 200 milhões em investimentos na área social

O Secretário Nacional de Segurança Pública, General Guilherme Theophilo de Oliveira, visitou Cariacica na tarde desta segunda-feira (29) com objetivo de anunciar mais detalhes da implantação do projeto-piloto do Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta. São oito ministérios trabalhando juntos, sob coordenação do Ministério da Justiça e Segurança, com expectativa de investir cerca de R$ 200 milhões em cada cidade ao longo do programa, incluindo desde compra e cessão de equipamentos de segurança e videomonitoramento a construção e qualificação de espaços para promoção social.

E neste quesito Cariacica sai na frente com destaque para aparelhos públicos do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. No último dia 17, o prefeito Geraldo Luzia de Oliveira Junior, Juninho, esteve em Brasília para garantir o interesse em pelo menos três novos equipamentos. Um é a Casa da Mulher Brasileira, local que faz acolhimento e encaminhamento de mulheres vítimas de violência doméstica, para o qual há recursos, restando ouvir a sociedade civil sobre o tema. Do mesmo ministério, o prefeito garantiu a construção do Espaço 4.0 para juventude, que qualifica profissionais para o mercado de tecnologia da informação. Há ainda o estudo para criação de um local para vivência e curso de inclusão digital para idosos.

Segundo o General, estes investimentos já contariam no valor total destinado para Cariacica. A cidade pleiteia, ainda para 2019 e 2020, recursos para implantação da Guarda Municipal, construção de novas creches, ampliação do serviço de atenção básica da saúde e já estuda a destinação de um local, para construção da segunda Estação Cidadania-Esporte, nos mesmos moldes da recém-inaugurada do Parque O Cravo e a Rosa.

Durante a visita, o secretário nacional foi apresentado às instalações do Palácio Municipal e à estrutura de videomonitoramento da cidade, bem como às soluções tecnológicas utilizadas pelo prefeito municipal na administração. Atendendo aos veículos de imprensa, explicou que a atuação da Força Nacional é apenas um reforço ao trabalho já praticado pela estrutura já presente. "Cariacica tem tudo para ser um sucesso como projeto piloto e servir de exemplo para as demais cidades, principalmente pelo trabalho já realizado pelas polícias locais. Com ambiência e dedicaçao do município em implantar esta nova política de segurança, a participação da Força Nacional será pontual", afirmou.

O chefe do executivo municipal ressaltou a importância do reconhecimento federal ao trabalho das forças policiais que já atuam na cidade. "Não funciona como uma intervenção, pois todos participam na construção deste modelo. Por isso somos um piloto. E o que mais me fez acreditar e aderir ao Programa foi o entendimento de que segurança pública não é só força policial, mas investimento em políticas sociais", analisou o prefeito Juninho.

Cariacica é uma de cinco cidades no país e a selecionada da Região Sudeste para participar da elaboração do projeto piloto, que deve ser replicado para o restante do Brasil. Inicialmente, 100 homens da Força Nacional, em conjunto com as polícias  do Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta, do Governo Federal, realizado em parceria com Município e Governo do Estado.

Informações à Imprensa: Assessoria de Comunicação da Amunes Elan Costa (27) 3227-3077 / 9 8891-4707 comunicacao@amunes.org.br

Data de Publicação: terça-feira, 06 de agosto de 2019

LEIA MAIS...

Relator da Reforma da Previdência no Senado é favorável à inclusão dos Municípios no texto
Portaria autoriza repasses financeiros do FNDE para educação infantil
Portaria publicada no DOU libera recursos para novas turmas da Educação Infantil
Prefeitos marcam presença no lançamento do Plano Estadual de Modernização e Inovação do SUS
Contatos:

Telefone: (27) 3227-3077 | (27) 9 9842-8048
E-mail: amunes@amunes.org.br