Sectides reúne prefeitos no lançamento do Projeto Atração Ativa de Investimentos para municípios

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento (Sectides), lançou, nesta terça-feira (23), o Projeto Atração Ativa de Investimentos para os municípios. O evento de lançamento reuniu 50 gestores e representantes municipais das principais regiões capixabas, no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Espírito Santo (Sebrae-ES), em Vitória.

A ação foi realizada em parceria com a Associação dos Municípios do Estado do Espírito Santo (Amunes) e apoio do Sebrae-ES, em prol do desenvolvimento regional equilibrado e da geração de emprego e renda para toda a população capixaba.

A prospecção ativa de novos negócios e projetos para o Espírito Santo é uma das premissas do Governo, que, por meio da Sectides, estabeleceu uma metodologia de atração ativa de investimentos e novos projetos para o Estado, visando à geração de emprego e renda para toda a população capixaba. Durante o evento, os participantes conheceram um pouco do método utilizado pelo Estado para atração de investimentos. Também foram citados os fatores que o processo exige, como trabalho disciplinado e coordenado, com uma equipe focada na atração, além de transparência no site do município. 

No encontro, o modelo de prospecção ativa de investimentos utilizado pelo Governo do Estado foi apresentado e prevê a assinatura de um Memorando de Entendimento (MOU) com a Amunes para viabilizar o apoio e a orientação aos gestores municipais e equipes, a fim de colocar em prática a prospecção ativa nas regiões do Estado. O evento também contou com palestras, abordando os temas “Potencializando a competitividade do ES”, “Programa ES 100% Empreendedor” e “Cidade Empreendedora”.

O secretário de Estado de Inovação e Desenvolvimento, Tyago Hoffmann, frisou que, desde 2019, sob a orientação do governador do Estado, Renato Casagrande, a Sectides implantou o modelo de prospecção ativa de empresas, que tem trazido resultados positivos para o Estado e municípios. “Várias empresas têm concretizado investimentos no interior do Estado e isso tem regionalizado ao máximo o desenvolvimento, fazendo com que o investimento seja mais equilibrado”, explicou.

“Sabemos que os municípios utilizam um método de atração de investimentos, mas queremos padronizar esta ação. Então, nosso objetivo é demonstrar a tecnologia disponível, o conhecimento que temos e o método que utilizamos. Assim, ampliamos o potencial de atração e fazemos com que o Estado, que já é receptivo às empresas, seja ainda mais cobiçado por elas. Temos incentivos fiscais, estabilidade econômica, mão de obra qualificada, nota A no Tesouro Nacional, excelente ambiente de negócios. Enfim, temos muito a oferecer”, complementou Hoffmann.

O secretário lembrou também que o Estado vem ganhando destaque e já um grande polo de distribuição. “Além de centros de distribuição, queremos atrair investimentos industriais, pois conseguimos atrair não só empresas deste segmento, como também investimentos que circundam o segmento industrial e, assim, fazemos o que chamamos de adensamento de cadeia produtiva. Temos interesse que estas empresas atraiam para cá seus centros de inovação e tecnologia porque vamos qualificando a produção, a tecnologia e a mão de obra. Nossa UniversidadES tem foco em formar mão de obra exatamente nestas áreas e, portanto, estamos fazendo esta conexão. A gente forma o profissional que o mercado demanda”, destacou Hoffmann.

De acordo com o vice-presidente da Amunes e prefeito de Ibatiba, Luciano Pingo, a parceria entre Governo do Estado, Amunes e Sebrae será uma oportunidade para que os prefeitos possam aprender mais sobre o modelo de prospecção ativa de investimentos. "Essa parceria vai estimular a atração de investimentos robustos nos municípios, principalmente, neste momento de retomada econômica após a pandemia da Covid-19. A partir do treinamento e da capacitação com a equipe da Sectides, os municípios do interior e da Grande Vitória vão poder contar com novas oportunidades e concretizar projetos que vão beneficiar a população, pois a chegada de novas indústrias potencializa a geração de emprego e renda nas regiões", enfatizou.

Para o diretor técnico do Sebrae-ES, Luiz Toniato, o programa do Estado vem em boa hora, em conexão com o que já é desenvolvido no Cidade Empreendedora. “É importante tratar da atração ativa de investimentos, porque nós temos muitas oportunidades que não estão sendo exploradas e que são potencialidades dos municípios, seja na indústria, no setor de comércio e serviços, na agricultura, na área das privatizações e parcerias público-privadas. E o Sebrae-ES está pronto para ajudar os municípios por meio do programa Cidade Empreendedora para se capacitarem e realizarem essas operações", disse Toniato.


Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sectides
Ana Luiza Freitas / Gabriela Galvão / Larissa Linhalis
(27) 3636-9707 / 6753 / 1822 / 99949-8105 / 99942-9537 / 98102-0236
comunicacao@sectides.es.gov.br

Assessoria de Comunicação da Amunes
Carolina Moreira
(27) 99802-7655 | comunicacao@amunes.org.br

      

Data de Publicação: terça-feira, 23 de novembro de 2021

Contatos:

Telefone: (27) 3227-3077 | (27) 9 9842-8048
E-mail: amunes@amunes.org.br